Supostos assaltantes de caminhonetes de luxo são executados na fronteira

Foto: léo Veras

As vítimas foram identificadas como sendo o suboficial inspetor Pedro Yanel Barua Acosta (35) da Polícia Nacional do Paraguai lotado em Pedro Juan Caballero, acusado de estar envolvido em roubos de caminhonetes, foi preso no dia 09 de janeiro quando foram encontradas veículos tomados em assalto em Ponta Porã, o mesmo dias após ser preso foi beneficiado com a prisão domiciliar.

As outras duas vítimas foram identificadas como, Venancio Ramon Romero (29) e um tal Delio Roselver Santa Cruz (31), que segundo os investigadores da Divisão de Homicídios, os três foram encontrados executados com tiros de pistola calibre 9mm na altura da cabeça. Na manhã deste domingo (07) por volta das 08:00hs, por populares que transitavam pela região denominada ‘Aceite’í ‘situado próximo a Ruta Quinta.

Segundo o Porãnews as vítimas se encontravam com os pés e mãos amarradas, ao lado de uma caminhonete abandonada da marca Ford, cor prata e uma inscrição feita em cartolina com a seguinte mensagem endereçada aos assaltantes que estaria atuando na região de fronteira, dizendo, “Por roubar inocentes, não roubar caminhonete, justiceiros da fronteira”, .

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here